A senha para o CORAÇÃO DE DEUS!

Lembro-me de uma vez em que estávamos em casa e meu filho mais novo, nessa época com 2 aninhos de idade, me olhou com um olhar sério e me perguntou: “_Seu nome é Julio?”

Alguém tinha acabado de me chamar no portão de casa, por isso a pergunta dele. “Sim, filho,” eu disse, “mas você me chama de papai.”

Ele enrugou o nariz naquela expressão “_Não entendi!” e ficou por alguns segundos assim e depois, balançou a cabeça e disse: “_Mas o nome é Julio?”

Poderia dizer que ele estava tendo problema em entender isso.  Ele só me conhecia como pai. Como eu poderia ter qualquer outra identidade, qualquer outro nome, além do que ele sempre soube?

Eu disse: “_Filho, meus amigos me chamam de Julio, as pessoas que não me conhecem, me chame de Julio, mas meus filhos me chamam de papai. Só meus filhos podem me chamar de papai. E é isso que eu quero que você me chame. ”

Veja só, “Papai” é quase um “nome santo”, separado, reservado para os filhos.

Quando Jesus estava ensinando seus discípulos a orar, ele disse que eles deveriam se dirigir a Deus desta maneira: “Pai nosso que está no céu.” Aqui, a palavra grega usada para “pai” é “pater”.

Mas muitas vezes, quando Jesus fala com o Pai, Ele usa tanto o “pater” (grego) e a palavra “abba” (aramaico). “Abba, Pater!” “papaizinho!” Algumas das primeiras palavras que as crianças aprendem como dizer.

Agora, uma vez que Jesus estava ensinando seus discípulos a orar ao Deus de todo o universo, você não esperaria que ele lhes ensinasse a mais potente e honrosa forma de se dirigir a Ele?

Seria de se esperar que ele dissesse: Jeová Shalom, ou El Elyon, Adonai, Senhor, Criador, Rei! Mas, em vez disso, Ele nos ensina a falar com o Pai.

Por quê? Talvez porque “Papai” é o nome mais comovente, mais honroso, mais poderosa de Deus, aquele que Ele escolhe sobre todas as outras formas, o que Ele ama ouvir dos lábios de Seus filhos.

Você pode nunca ter pensado nisso dessa forma, mas “Pai” pode ser uma das palavras mais poderosas que você vai falar.

Quando eu ouço alguém chamar o nome Julio, eu sei que alguém está me chamando, mas poderia ser um amigo, um conhecido ou talvez até mesmo um completo estranho. Mas quando ouço “Papai,” Eu sei que estou a ouvir um dos meus filhos. Ninguém chama mais a atenção do meu ouvido, ninguém chama mais a atenção do meu coração do que meus filhos.

Jesus deu a vida para que tenhamos um relacionamento de intimidade com Deus. O Criador do universo, enviou o Seu Filho na cruz para que você pudesse ser seu filho e ter o direito de chamá-lo de pai.

Então, quando você chama “Pai nosso que estás no céu”, você pode ter a confiança de saber que você tem instantaneamente a atenção, ou ouvidos do seu Deus pai. Você acaba de dizer a senha para o Seu coração.

“E, porque sois filhos, Deus enviou aos vossos corações o Espírito de seu Filho, que clama: Aba, Pai.” Gálatas 4:6

Deixe uma resposta